10 motivos por que as casas alemãs são quentinhas

Sistemas de calefação nos prédios e mesmo no transporte coletivo são uma necessidade nos países de inverno intenso. Mas também detalhes de construção, como o isolamento de paredes e aberturas, são fundamentais.

1º | Isolamento externo com isopor


Para efeito de isolamento, placas de isopor de até 15 cm de espessura cobrem as paredes externas de prédios e casas.







2º | Lã de vidro nos telhados


Para evitar a entrada do frio, especialmente quando os telhados ficam cobertos de neve, as paredes do sótão são forradas com lã de vidro, que também pode ser usado nas paredes internas para isolamento acústico.




3º | Aberturas voltadas para o sul

Para o aproveitamento máximo da luz e do calor solar, as casas no Hemisfério Norte são construídas, se possível, de forma a que as aberturas sejam voltadas para o sul.






4º | Vidros duplos ou triplos

Se antigamente a técnica de isolamento era fazer janelas duplas, com uma câmara de ar no meio, hoje em dia estas câmaras estão embutidas na própria janela. As mais modernas já têm até três camadas de vidro.




5º | Isolamento das aberturas

Já na construção das casas, a instalação de portas e janelas é acompanhada de um engenhoso sistema de isolamento para impedir toda entrada de ar e umidade.






6º | Porão também ajuda

A maioria das edificações tem porões na Alemanha. Eles não são usados apenas como despensa e área de festas, mas servem de câmara intermediária entre o frio do solo e o piso térreo. Ao longo do ano, a temperatura no porão costuma se manter constante, entre 12 e 15 ºC.


7º | Sustentabilidade que aquece

Telhados verdes não são apenas bonitos. Entre suas muitas vantagens, eles também protegem contra oscilações de temperatura, tanto no inverno quanto no verão.






8º | Calor que irradia do chão

O sistema de piso radiante garante a distribuição homogênea do calor. Através dos pequenos canos debaixo do piso, passa água quente, mas também pode ser fria, no verão, se o equipamento for combinado com uma bomba de calor reversível.



9º | Com calefação, tudo quentinho

Nos prédios mais antigos, os sistemas de aquecimento ainda funcionam a carvão ou óleo de calefação, enquanto nos modernos as caldeiras são a gás. Para climatizar os ambientes, é usada também a geotermia (aproveitando o calor de dentro da Terra) ou a troca de ar frio pelo quente, através de tubos enterrados no solo em volta do prédio (foto).

10º | Lixo gera calor e eletricidade

Muitas prefeituras investiram em usinas de incineração de lixo e aproveitam o calor para gerar eletricidade ou vapor quente distribuído por uma rede urbana. Também as termoelétricas distribuem, além da eletricidade, vapor quente para sistemas de aquecimento.





© 2016 Deutsche Welle

Destaques
Postagens Recentes
Arquivo
Busca Palavra Chave
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
  • Google+ Basic Square

SVR ENGENHARIA | Projeto | Construção | Laudo | Reforço | PPCI 

Porto Alegre - RS | Brasil

51 996 374 607  - WhatsApp

contato@svrengenharia.com

Atendemos todo o Brasil

  • WhatsApp - Escritório de Engenharia
  • Telegram - Engenharia

CNPJ 37.379.000/0001-54 | 22.017.468/0001-21

CREA RS 210.516